Mais informações sobre o Editor de Veículos

A revista PC Gamer vai publicar uma entrevista com Morgan Roarty, produtor sênior de Spore, sobre o editor de veículos, e publicou em seu site uma parte da entrevista. Leia aqui (em inglês).

A entrevista contém muitos detalhes novos, vamos listá-los:

  • Vão haver três tipos de veículos: terrestre, aquático e aéreo.
  • Cada veículo terá três estatísticas principais: energia, velocidade e defesa.
  • Essas três estatísticas decidirão que tipo de veículo a criação será: pacífica ou agressiva.

O editor de veículos funcionará como o editor de criaturas, você arrasta partes para montar o veículo na aparência que voce quer e, da mesma forma do editor de criaturas.

Entrevista com desenvolvedores do Spore

Chaim Gingold, o desenvolvedor dos editores, e Chris Hecker, um dos responsáveis pela animação processual das criações, foram entrevistados pelo Joystiq sobre o desenvolvimento de Spore.

A entrevista é mais uma visão geral de como é trabalhar para a Maxis e como a EA está influenciando o jogo (segundo os desenvolvedores, muito pouco). As informações mais importantes da entrevista são que Spore já está em pleno desenvolvimento — os estágios de pré-produção e planejamento foram finalizados ano passado, depois da GDC; e que a versão para videogames do jogo deve ser lançada cerca de seis meses depois do Spore para PC.

Você pode ler a entrevista completa, em inglês, aqui.

Palestra sobre Spore na GDC 2007

Chaim Gingold, o desenvolvedor responsável pelos editores de conteúdos do Spore, dará uma palestra técnica na GDC, em março de 2007. A palestra se chamará Spore’s Magic Crayons (“Os lápis de cor mágicos de Spore”) e será bastante técnica, mas podemos esperar novas imagens e quem sabe até mesmo vídeos dos editores de conteúdo do jogo.

Spore na revista Edge

A revista britânica EDGE publicou um artigo sobre Spore, que fala sobre como o jogo terá planetas com trajetórias estranhas que são difíceis de encontrar e o que eles estão tentando fazer na fase do espaço:

Estamos tentando fazer uma dinâmica para não cansar na fase espacial, com planetas interessantes que ao entrar neles você queira descobri-los, explorá-los e que convidam o jogador a ficar e não ser repetitivo. Cada planeta terá coisas diferentes, de civilizações a plantas únicas de um planeta.